dor no tornozelo

Dor no tornozelo: o que pode ser?

Existem diversas situações que podem causar a dor no tornozelo. Na maioria dos casos, não indicam nada muito grave, mas quando vem acompanhada de inchaço ou quando dificultam a caminhada, é importante procurar um ortopedista para avaliar o seu quadro. Nesse artigo, você vai conhecer as causas mais recorrentes para a dor no tornozelo. Ficou interessado? Então, não deixe de ler.

Síndrome do túnel tarsal

A síndrome do túnel tarsal é uma neuropatia que acomete o túnel do tarso, uma região anatômica que está localizada após o maléolo medial e sob o retináculo dos músculos flexores do pé. Ela ocorre quando há a compressão do nervo plantar lateral ou do nervo medial calcâneo e tem como principal sintoma a dor no calcanhar. Essa síndrome ocorre, com mais frequência, em adultos ativos que são praticantes de atividades físicas.  Essa dor costuma piorar quando o paciente permanece em pé ou caminha por muito tempo. Outros sintomas característicos dessa síndrome são a sensação de queimação, dormência e de formigamento na sola do pé.  A principal causa para a síndrome do túnel tarsal é a osteoartrite, uma condição que pode até restringir os movimentos do tornozelo. 

Entorse de tornozelo

A entorse de tornozelo é uma condição muito comum em esportistas, principalmente os corredores profissionais. Ela ocorre quando há uma inversão excessiva do pé durante uma corrida, salto ou qualquer atividade que exija o movimento dos pés. Além da dor intensa, o indivíduo pode ter dificuldade para andar ou ficar de pé, pode ocorrer inchaço e a presença de hematoma nos tornozelos. Independente dos danos que possa causar, é imprescindível que um ortopedista sempre avalie a região após uma entorse.

Artrite reumatóide

É uma doença inflamatória crônica que costuma afetar as articulações das mãos e dos pés. Quando ocorrem, afetam o revestimento dessas articulações, provocando um inchaço doloroso que pode evoluir e se tornar uma deformidade. A artrite reumatóide é uma patologia autoimune, ou seja, ocorre como uma ação natural do sistema imunológico, que ataca, erroneamente, os tecidos das articulações. Essa condição pode se espalhar e atingir a pele, os olhos, pulmões e vasos sanguíneos. As mulheres são as mais afetadas por essa doença. A justificativa talvez esteja nas constantes alterações hormonais pelas quais a mulher passa. Assim, o estrogênio, um hormônio feminino, pode confundir o sistema imunológico da paciente.

Gota

A Doença dos Reis, como também é chamada, se caracteriza por uma inflamação nas articulações. Ela tem origem no aumento das taxas de ácido úrico no sangue, além do padrão normal. Os sintomas costumam ser bem variados e individualizados, pois um paciente pode apresentar crises de artrite e outro pode ter alguma alteração nas funções renais. A gota pode ser causada por um erro no metabolismo do paciente, produzindo um excesso de ácido úrico. Ela também pode surgir em função de um defeito na excreção renal de urato. Em alguns casos, a gota é secundária e surge em consequência de uma leucemia, psoríase, hiperparatireoidismo, insuficiência renal ou pelo uso de alguns medicamentos. A dor no tornozelo é o sintoma mais comum da gota. Ela também é sentida nas mãos, joelhos e pulsos, sendo mais intensa nas primeiras 24 horas. Podem surgir vermelhidão nas articulações afetadas e um excesso de suor. Essas são as causas mais comuns de dor no tornozelo. Porém, não são as únicas. Então, a melhor forma de obter um diagnóstico preciso é se consultando com um ortopedista. Quer saber mais? Clique no banner e saiba mais sobre ortopedia.

O que deseja encontrar?

Compartilhe

Share on facebook
Share on linkedin
Share on google
Share on twitter
Share on email
Share on whatsapp